quinta-feira, 14 de junho de 2012

Padre suspeito de pedofilia é condenado por porte ilegal de armas após ser preso ao lado de mulher nua.


Padre Evangelista Moises de Figueiredo, 49 anos, ex-pároco da Igreja São Francisco de Assis, em São Sebastião, no Distrito Federal, foi condenado a 1 ano e três meses por porte ilegal de armas, mas como não tinha antecedentes criminais e depois de confessar que a arma era realmente sua, pois em primeiro momento havia dito ser de um pedreiro que trabalhou em sua casa, a juíza diminuiu a pena para 1 ano e a substituiu por pena restritiva de direitos, devendo prestar serviços a comunidade.

Na ocasião quando em que foi preso, 30 de dezembro de 2011, no condomínio Estância Del Rey, a polícia encontrou as armas e o pároco deitado em uma cama ao lado de uma mulher nua que disse aos policiais ter um relacionamento amoroso com ele já ha algum tempo.

A prisão do sacerdote, foi motivada por um mandato de busca e apreensão por pedofilia e abuso sexual de seis crianças, que segundo informações os crimes podem ter sido cometidos na casa das vítimas e também na casa dele. As crianças têm entre 6 e 14 anos e cinco são irmãos.

O que Chamou a atenção da polícia foi o fato de todos os relatos detalharem a mesma sequência de fatos e situações, dando consistência às acusações. Como o pároco tinha a confiança dos pais, espectadores das missas que ele conduzia, não era incomum que as vítimas ficassem sozinhas com Evangelista tanto nas casas onde moravam quanto na residência do padre. O processo corre em segredo de justiça.

Sobre o padre:
Nascido em Brejo Santo, no Ceará, Evangelista Moisés de Figueiredo é padre há 18 anos e atuava havia uma década na Igreja de São Francisco de Assis, na região de Tororó, no Jardim Botânico no Distrito Federal.

com informações do R7 e Correio Brasiliense

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO!: É muito importante para nós sabermos sua opinião sobre o que acabou de ler, por isso, deixe o seu comentário sobre a matéria acima que será um prazer para nós exibi-lo aqui. Lembramos apenas que VOCÊ é o ÚNICO responsável por seu comentário e que não são permitidos comentários que contenham: Conteúdo ofensivo, difamatório ou palavras de baixo calão.

O conteúdo deste site é de divulgação livre para fins não comerciais. Obriga-se o divulgador a oferecer junto ao conteúdo usado, os links para este site e os devidos créditos.

Visualizações de página a partir de 01/2012