quarta-feira, 27 de junho de 2012

Polícia Prende sequestrador da menina Brenda Gabriela


Foto reprodução Rede Globo
A Polícia Militar prendeu no fim da manhã desta quarta-feira (27) um homem suspeito de ter sequestrado a menina Brenda Gabriela, de 4 anos, que ficou duas semanas desaparecida em São Paulo. A criança estava com a mãe e os irmãos em um culto religioso na Avenida do Estado quando sumiu. Nesta segunda-feira (25), um vizinho da família viu a menina na rua com um homem e chamou a polícia. O suspeito conseguiu fugir, mas foi reconhecido por imagens de câmeras de segurança e preso nesta quarta.

Policiais militares que faziam um patrulhamento de rotina abordaram o homem em frente a um mercado na Avenida José Maria Whitaker, na Zona Sul de São Paulo. Ele disse aos policiais que era morador de rua e não tinha documentos. “Ele estava sentado em um ponto de ônibus, nós abordamos o indivíduo, achamos muito parecidos com a foto. Questionamos o que ele fazia, ele não nos deu informação. Indagamos novamente e ele confessou, disse que era carroceiro e tinha pego a menina”, contou a soldado da PM Patrícia dos Santos, que participou da ação.

“Não deu para desconfiar. Ela estava normal, não chorou. Nem parecia judiada”, disse Jeson Dantas dos Santos, de 26 anos. Santos contou que viu o carroceiro e a menina pela primeira vez na quinta-feira da semana passada. O homem amarrou sua carroça a uma árvore na Praça Rodrigues de Abreu, bem em frente do bar onde o jovem trabalha. A menina ficava dentro da carroça, e o homem só deixava o local para tomar café. Nos dias posteriores, ele não notou nenhuma reação da garota que levantasse suspeita de um sequestro.

Quando os dois foram até o bar, na segunda, Santos disse que tentou brincar com a menina. “Ela ficou quieta. Pensei que ela era envergonhada.” Estranhando a aparência tanto do carroceiro quanto da menina, ele questionou sobre a origem do cliente. “Ele me disse que tinha sido despejado. Perguntei também onde estava a mãe da criança e ele contou que ela trabalhava com outra carroça e levava os outros dois filhos dele.”

Taxistas e vendedores que trabalham na região disseram ao G1 que a praça onde Brenda ficou na semana passada é comumente frequentada por moradores de rua e carroceiros. Segundo o SPTV, um taxista chegou a parar uma equipe da Polícia Militar, pois achou estranho ver a menina dentro da carroça. Segundo ele, o policial foi até o homem, chegou a brincar com a menina, mas depois foi embora. Outras testemunhas disseram que não viram o homem utilizando a menina para pedir esmolas.


Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO!: É muito importante para nós sabermos sua opinião sobre o que acabou de ler, por isso, deixe o seu comentário sobre a matéria acima que será um prazer para nós exibi-lo aqui. Lembramos apenas que VOCÊ é o ÚNICO responsável por seu comentário e que não são permitidos comentários que contenham: Conteúdo ofensivo, difamatório ou palavras de baixo calão.

O conteúdo deste site é de divulgação livre para fins não comerciais. Obriga-se o divulgador a oferecer junto ao conteúdo usado, os links para este site e os devidos créditos.

Visualizações de página a partir de 01/2012