quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

José Junior do AfroReggae acusa pastor Marcos Pereira de Psicopata e o chama de "maior mente criminosa do Rio de Janeiro"


Em entrevista concedida ao Site Extra nesta quarta-feira (29), o coordenador do AfroReggae, José Júnior faz duras críticas ao Pastor Marcos Pereira da Assembléia de Deus dos Últimos Dias. Na entrevista, José Junior afirma: “O pastor Marcos Pereira ele é um psicopata. Ele é um cara do mal. Talvez seja a maior mente criminosa do Rio de Janeiro. Ele toma atitudes criminosas. Não se satisfaz somente em ter dinheiro, como também quer que as pessoas que competem com ele sejam mortas.”.


O coordenador se referiu também aos ataques de traficantes no Rio de Janeiro em 2006, no morro do Alemão em 2010 (antes da ocupação do grupo de favelas) e acusou ao pastor de ser o mentor intelectual, bem como a várias rebeliões em presídios onde os presos mandavam chamar ao Pastor Marcos. Conforme José Junior se algo lhe acontecer ou se a polícia encontrar armas ou drogas no AfroReggae a culpa é do Pastor.

O pastor Marcos Pereira da Silva atribuiu, as acusações à “dor de cotovelo” de José Junior. Segundo o pastor, o coordenador do AfroReggae “deve estar sentindo inveja”.

Pastor Marcos, nega que tenha comandado os atentados de 2006 e de 2010. Nega também que esteja falando nas comunidades que José Júnior é um informante da polícia.

"Ele (José Junior) pode falar o que quiser. Eu sou a pessoa que mais tem casos de mediação de conflito. Já ajudei a acabar com 13 rebeliões no Rio e uma no Maranhão, entre outras" afirma, acrescentando: "Meu trabalho é sério. Aqui se faz um trabalho social."

Reações:
O conteúdo deste site é de divulgação livre para fins não comerciais. Obriga-se o divulgador a oferecer junto ao conteúdo usado, os links para este site e os devidos créditos.

Visualizações de página a partir de 01/2012