terça-feira, 10 de abril de 2012

Fiscalização e apreensão da Vigilância Sanitária no Hospital de Cataguases. Foram apreendidos alimentos, produtos de limpeza e lixo hospitalar.


Em uma operação da vigilância sanitária estadual em conjunto com a polícia civil de Cataguases, realizada nesta terça-feira (10),  no hospital de Cataguases, foram apreendidos  alimentos que segundo a vigilância sanitária não tinha procedência e nem data de validade. Os alimentos como carne e leite são produtos da fazenda da fumaça e medidas deveriam ter sido feitas para adequar os produtos as exigências da vigilância. A fiscalização encontrou irregularidades também no lixo do hospital, pois materiais como luvas e seringas deveriam estar em um lixo especial e estavam no lixo comum. Ao todo, foram apreendidos cerca de 500 quilos de material.

A fiscalização se deu após denúncias de populares e foram detidos para prestarem depoimentos e liberados logo a seguir: o farmacêutico, a nutricionista e o provedor do Hospital José Eduardo Machado  que deverão responder a inquérito policial pelos crimes contra a relação de consumo e contra a saúde pública. 

O hospital continua funcionando normalmente apenas com alguns setores interditados que ficarão aguardando resolver as pendências para voltar a funcionar normalmente.
Com informações do Globo.com.
gravação da coletiva: Paulo Tomazeto.


assista abaixo a reportagem da TV Panorama com uma pequena correção: as carnes apreendidas não estavam estragadas, elas apenas não tinham o selo com procedência e data de validade, pois vinham diretamente da fazenda.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO!: É muito importante para nós sabermos sua opinião sobre o que acabou de ler, por isso, deixe o seu comentário sobre a matéria acima que será um prazer para nós exibi-lo aqui. Lembramos apenas que VOCÊ é o ÚNICO responsável por seu comentário e que não são permitidos comentários que contenham: Conteúdo ofensivo, difamatório ou palavras de baixo calão.

O conteúdo deste site é de divulgação livre para fins não comerciais. Obriga-se o divulgador a oferecer junto ao conteúdo usado, os links para este site e os devidos créditos.

Visualizações de página a partir de 01/2012